15.2.13

 

 

Inicialmente, pensei em aproveitar este tema para homenagear alguém especial. Uma personalidade que tenha sido um exemplo a seguir, escolhido por mim como modelo de vida.

Foi então que reparei que os meus modelos de vida não são pessoas que tenham um nome publicado em lado algum. Algumas até nem são pessoas... Ao pensar nisto, deparei-me com lembranças de pequenos momentos com grandes personalidades que marcaram e continuam a marcar toda a minha vida. 

Lembrei-me dos grandes feitos diários de me fazerem rir com vontade e sinceridade quando tudo parecia desabar à minha volta. Lembrei-me de amigos de quatro patas que são amigos apenas porque o são, porque são companhia, porque não precisam de nada para vencer senão a nossa companhia e os momentos que passámos juntos, mesmo sendo uns melhores que outros. Lembrei-me também de momentos em que a simples pergunta “O que almoçaste hoje?” preenchem todo o dia de horror quando estamos rodeados de pessoas incompetentes. Lembrei-me também de prendinhas feitas à mão que de nada servem senão para nos alegrar, apenas para isso mesmo, para nos deixarem felizes.

Depois de alguns dias a pensar em personalidades vencedoras no mundo, concluí que estou rodeada de pequenos gestos de verdadeiros heróis! Até um pequeno abraço, mensagem ou telefonema, sabem a chocolate quente quando sabemos que é feito com sinceridade e porque estão atentos a nós. Vencedores são esses, os que estão atentos a nós só por estar, sem nada em troca. Aqueles que continuam a saber valorizar o que há de melhor. Valorizam e não têm medo de assumir isso perante nós, mesmo sendo palavras que agora são quase reflexo de fraqueza. Falo, sem dúvida, de palavras como o amor, amizade, ternura... E podia continuar! Esses são os vencedores. Os que não se deixam levar pela sociedade só porque sim. São os meus heróis, os que me fazem companhia de perto, longe geograficamente, ou já como estrelinhas no céu, porque ainda os sinto. Fazem companhia de forma completa, com desprendimento do que é material e, mesmo mal e a morrer, apenas querem o nosso bem.

Vencedores para mim são aqueles que no meio de tanta adversidade me fazem sentir amada.

 

Sónia Abrantes


Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 10:00  Comentar

Maputo | Moçambique

 pessoa(s) ligada(s)

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Articulistas

> Alexandra Vaz (PT)

> Ana Martins (PT)

> Cidália Carvalho (PT)

> Ermelinda Macedo (PT)

> Fernando Couto (PT)

> Fernando Lima (PT)

> Jorge Saraiva (PT)

> José Azevedo (PT)

> Leticia Silva (PT)

> Rui Duarte (PT)

> Sandra Pinto (PT)

> Sandra Sousa (PT)

> Sara Almeida (PT)

> Sara Silva (PT)

> Sónia Abrantes (PT)

> Tayhta Visinho (PT)

> Teresa Teixeira (PT)

Fevereiro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
16

17
18
20
21
23

24
25
27
28


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
gostei muito do tema artigo inspirado com sabedori...
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Parabéns Ana Martins, uma abordagem bastante suges...
Obrigado Denise, embora sinta que tenha sido basta...
Muito bom !Explicou exactamente o que eu penso!!!
Concordo plenamente caro Dr. Sendi, o facto é que ...
Gostei muito do artigo .Estou plenamente de acordo...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: