9.12.11

 

18:16.

Ok, ainda tenho tempo.

Deixa-me lá lembrar onde pus a receita para a farmácia…

 “Fogo! Que gajo doido! Passou-me cá uma tangente!” Há cada vez mais malucos na estrada. Ok, eu não sou muito melhor...

Se bem me lembro, acho que enfiei a receita naquele monte de papéis que andam na carteira há semanas. Tenho mesmo de fazer uma limpeza àquilo. Já não sei o que tenho p’ra lá. Não faz mal, quando estacionar, procuro.

Se tiver tempo, ainda passo no supermercado. Do que é que eu preciso mesmo?! Leite… água… sumos… raios! Falta-me mais qualquer coisa. Não faz mal… quando chegar lá, tento lembrar-me.

“Oh pá! Desliga-me esses máximos!” Outro maluco.

Amanhã, quando chegar ao trabalho não me posso esquecer de enviar aquele mail. Já o devia ter enviado. Como é que pude esquecer-me?! “E o trânsito que não anda!...” A culpa é minha, devia ter saído mais cedo. E o mais estúpido é que podia tê-lo feito, mas pus-me na conversa…

Por este andar, já não vou poder ir ao supermercado! Será que falta algo para o jantar? A propósito: O que vou eu fazer para o jantar? O que há no congelador? Devia ter encomendado carne no talho… Não faz mal, quando chegar a casa vejo o que há e desenrasco qualquer coisa.

Ei… é verdade, lembrei-me agora que não deixei comida para a cadela. Será que ela ainda tinha comida na tigela? E água? Raios! Que cabeça a minha!

Espero que a caldeira hoje funcione. Ontem foi lindo, sem água quente. Esqueci-me de lembrar o João para telefonar ao técnico. Será que ele se lembrou? Por falar nisso, hoje não lhe liguei durante o dia. Espero que ele não tenha ficado chateado comigo. Não faz mal, logo dou-lhe mais miminhos para compensar.

 “Que música irritante!” Mais vale ir de rádio desligado.

 

18:35.

Boa! Já estou atrasada. Era bom que houvesse um lugar para estacionar.

”Vá lá! Saia da frente!” Que mania desta gente, parece que estão aqui a morrer na estrada. Se não têm pressa que vão a pé!

Ok carrinho, vais ficar mesmo aqui. A polícia não deve aparecer hoje.

Receita, receita, onde estás tu? Tanto papel que eu tenho p’raqui. Boa! Ainda tenho rifas para o sorteio do Natal do ano passado. Tenho mesmo de limpar isto. Ah ah! Aqui estás!

Pronto… tinha de começar a chover agora!

Eu tinha um guarda-chuva… Eh… deixei-o ontem na casa da minha mãe. Por falar nisso, não me posso esquecer que os convidei para almoçar lá em casa no dia… ah sim, dia 11. Isso é de aqui a quanto tempo? Hoje são… 7. Raios, é já no próximo domingo. Que vou eu fazer para o almoço? Tenho de pensar numa receita fixe e que não seja muito complicada. Amanhã, no trabalho, quando vier da reunião vou um bocadinho à net para me inspirar. Por falar nisso, ainda não preparei os pontos para a reunião. Penso nisso logo, enquanto estiver a fazer o jantar.

Pronto, vou sem guarda-chuva. Que se lixe! O chato é que estou a ver que já não tenho tempo de ir ao supermercado.

 

- Desculpa filhote. A aula já acabou há muito? A mãe atrasou-se…

- Não faz mal mamã. Já estou habituado…

 

Teresa Moura (articulista convidada)


Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 02:05  Comentar

Maputo | Moçambique

 pessoa(s) ligada(s)

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Articulistas

> Alexandra Vaz (PT)

> Ana Martins (PT)

> Cidália Carvalho (PT)

> Ermelinda Macedo (PT)

> Fernando Couto (PT)

> Fernando Lima (PT)

> Jorge Saraiva (PT)

> José Azevedo (PT)

> Leticia Silva (PT)

> Rui Duarte (PT)

> Sandra Pinto (PT)

> Sandra Sousa (PT)

> Sara Almeida (PT)

> Sónia Abrantes (PT)

> Tayhta Visinho (PT)

> Teresa Teixeira (PT)

Dezembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
17

18
19
21
22
24

25
26
29
31


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
gostei muito do tema artigo inspirado com sabedori...
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Parabéns Ana Martins, uma abordagem bastante suges...
Obrigado Denise, embora sinta que tenha sido basta...
Muito bom !Explicou exactamente o que eu penso!!!
Concordo plenamente caro Dr. Sendi, o facto é que ...
Gostei muito do artigo .Estou plenamente de acordo...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: