7.9.16

Hamburg-FranzPSauerteig.jpg

Foto: Hamburg – Franz P. Sauerteig

 

Quando é que começámos a jogar este jogo perigoso, este jogo do “toca e foge”? Não! A pergunta certa é: quando é que nos perdemos neste jogo perigoso?

Ignoras as minhas dúvidas e inquietações, não dás importância aos meus pensamentos, não percebes, ou finges não perceber, o quanto eu consigo viver alienada da realidade… É como se dissesses “vem”, mas na verdade seja “não venhas”. E eu vou acreditando que, um dia, irás compreender que vivo mais na realidade que acontece dentro da minha cabeça do que na realidade real. Não compreender o meu corpo, mas invadires o meu pensamento, envolveres-te em tudo aquilo que se passa na minha mente inquieta.

Interessas-te? Não e, por breves momentos, também eu perco o interesse.

Mas acabamos sempre por voltar à nossa realidade paralela, alienados de tudo o que nos rodeia, nessa aleatoriedade onde tu estás, onde eu estou, onde nós existimos. E que comece o jogo da conquista! Ou da incerteza! Movimentamo-nos ao som da nossa própria música, que nunca foi nossa; perdemo-nos nas nossas palavras, que se desfazem de intensidade e sentido. Somos dois peões que se movimentam num tabuleiro sem uma estratégia definida, levados pelo sabor do outro. É um momento de loucura como tantos outros, onde movemos os nossos corpos ao ritmo de algo que, no dia a seguir, percebemos que já nem sequer faz sentido algum. Mesmo assim tu insistes em perguntar-me: A menina dança?

 

Sandra Sousa

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 09:30  Comentar

Maputo | Moçambique

 pessoa(s) ligada(s)

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Articulistas

> Alexandra Vaz (PT)

> Ana Martins (PT)

> Cidália Carvalho (PT)

> Ermelinda Macedo (PT)

> Fernando Couto (PT)

> Fernando Lima (PT)

> Jorge Saraiva (PT)

> José Azevedo (PT)

> Leticia Silva (PT)

> Rui Duarte (PT)

> Sandra Pinto (PT)

> Sandra Sousa (PT)

> Sara Almeida (PT)

> Sónia Abrantes (PT)

> Tayhta Visinho (PT)

> Teresa Teixeira (PT)

Setembro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
13
15
16
17

18
20
21
22
24

25
27
28
29


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Parabéns Ana Martins, uma abordagem bastante suges...
Obrigado Denise, embora sinta que tenha sido basta...
Muito bom !Explicou exactamente o que eu penso!!!
Concordo plenamente caro Dr. Sendi, o facto é que ...
Gostei muito do artigo .Estou plenamente de acordo...
Há uma força interior que nos orienta nas decisões...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: