15.4.15

MulherJuntoDeAgua.jpg

 

Goza, aproveita o teu dia!

Sem dúvidas, parece não haver margem para duas opiniões: o dia de hoje é singular, na sucessão dos dias é irrepetível, único. Seja a ocasião em que vivemos algo de memorável, quando ocorre aquilo a que chamamos um acontecimento, programado e antecipado com toda a atenção e ansiedade, seja só mais um dia que liga ontem a amanhã.

Assim, mais do que um direito, é como que um dever tirar todo o partido do dia de hoje, da vida agora. Entre um passado que já foi e um amanhã que nem sei se vai acontecer, o que interessa é o momento, eu, agora.

O dia de hoje é tudo, mas como é que o mesmo “agora” pode ser tudo no momento para amanhã já não importar para nada? É lugar-comum mas há razão para dizer que os extremos se tocam. O agora é um momento mas não existe isolado, não é estanque do que aconteceu, do que fiz ou não fiz ontem, anteontem; de como reagi ao que me fizeram ou deixaram de fazer. E esta sucessão de momentos vividos determina, em grande parte, em que medida gozarei, conseguirei tirar partido do hoje que virá amanhã...

O caminho é complexo; que bom, há opções a tomar, escolhas a fazer, vale a pena gozar o dia, assim como investir no amanhã.

O dia de hoje é que é importante, mas as minhas decisões de ontem continuam a fazer parte de mim, não passam a ser lixo, algo desprezível. Serão a minha mola ou a minha carga.

Então, posso tentar fazer da vida um prazer, sem ser subjugado pelo imediatismo, nem pela culpa, sem perder a memória, acreditando que o meu futuro também depende de mim.

Bom dia!

 

Jorge Saraiva

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 08:00  Comentar

Maputo | Moçambique

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Estefânia Sousa Martins

Fernando Couto

Fernando Lima

Jorge Saraiva

José Azevedo

Landa Cortez

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Vanessa Santana

Abril 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
14
16
18

19
21
23
25

26
28
30


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
gostei muito do tema artigo inspirado com sabedori...
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: