9.3.14

 

Estamos numa daquelas épocas, tendo em conta o nosso referencial ocidental, em que as dúvidas são muitas, os paradigmas não são sólidos, ameaçando desmoronar-se. É costume, penso, recorrer-se ao fim do Império Romano do Ocidente ou, talvez menos, ao final do século XVIII, quando nos queremos referir, exemplificando, ao final de uma época, à refundação de modos de vida. Estamos a falar de eras em que houve dissolução de costumes, exageros, portanto de abandalhamento, bandalheira.

Sintetizando: quando se vive, dizendo-o em duas palavras, uma crise valores.

Estamos aqui a falar de valores éticos, estéticos, religiosos, morais, políticos, através dos quais as pessoas, individualmente e em sociedade, fazem escolhas, opções.

Perante os factos da vida e para tomarmos opções, usamos critérios, uma hierarquia de valores que nos permitem, na nossa circunstância, tomar decisões.

Pois é, aqui vem a rasteira que não me é possível evitar. Ela faz-me tropeçar na duplicidade de significados dos “valores”, pois a eles também as pessoas se referem quando são imobiliários, mobiliários, transacionáveis em Bolsa.

Será que, no limite, a questão dos valores, hoje por hoje, tende a resumir-se ao recheio da bolsa?

 

Jorge Saraiva

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 10:00  Comentar

Maputo | Moçambique

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Março 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
15

17
19
20
22

24
26
27
29

31


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
gostei muito do tema artigo inspirado com sabedori...
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: