14.3.16

CrazyHair-PetrKratochvil.jpg

Foto: Crazy Hair – Petr Kratochvil

 

Por estes dias sou quem não sei que sou, não me reconheço de todo. Nem a pensar, nem a agir, nem a ser, nem a fazer que sou.

Quero sair deste corpo e desta cabeça, desta carcaça que me representa e apreciar quão louca estou, ou se sempre fui. Se estou viva até, ou se morri e fiquei num limbo alucinante. Se mereço o inferno ou, depois de uma boa e robusta passagem pelo purgatório, posso ousar esperar algo mais.

Se hoje me serrassem a meio a cabeça, em vez de sair alguma coisa, aconselho vivamente a utilização de um microscópio para ver uma obra completa do Maurits Cornelis Escher, com vários “eus” a subir e a descer e a entrar e sair por parte nenhuma. E a ajudar, obras de Miró, Dali e Rothko a pairar por toda a parte, num espaço onde nada é imóvel e tudo é desprovido de sentido.

 

É do tipo “onde esta Wally”, sendo que o Wally sou eu e todos são o Wally e nenhum é. E agora. Agora há aquelas partes de mim a querer recuar no tempo, outras a querer avançar, outras basicamente a querer queimar tudo e renascer. Outras só mesmo a querer queimar tudo. Parece a Sagração da Primavera mas no infinito, sem princípio nem fim.

Por acaso sempre achei que ia acabar louca e parece que se calhar, aqui cheguei. Internem-me por favor.

Depois há uma mesma figurinha lá no meio, também eu, a querer resistir e sair e renascer, totalmente nova, pura, sem defeitos, consciente porém dos erros do passado e sem falsas modéstias nem orgulhos parvalhões e descabidos. Sem máscaras. Estamos provavelmente no campo da mitologia.

 

Esqueçam tudo o que escrevi. Esqueçam tudo. Não estou a pedir ajuda. Já não sei se existo, e vocês também não.

 

Laura Palmer

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 09:30  Comentar

Maputo | Moçambique

 pessoa(s) ligada(s)

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Articulistas

> Alexandra Vaz (PT)

> Ana Martins (PT)

> Cidália Carvalho (PT)

> Ermelinda Macedo (PT)

> Fernando Couto (PT)

> Fernando Lima (PT)

> Jorge Saraiva (PT)

> José Azevedo (PT)

> Leticia Silva (PT)

> Rui Duarte (PT)

> Sandra Pinto (PT)

> Sandra Sousa (PT)

> Sara Almeida (PT)

> Sara Silva (PT)

> Sónia Abrantes (PT)

> Tayhta Visinho (PT)

> Teresa Teixeira (PT)

Março 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
17
19

20
22
23
24
26

27
29
30
31


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
gostei muito do tema artigo inspirado com sabedori...
Não podia concordar mais. Muito grata pelo comentá...
Dinheiro compra uma cama, mas não o sono...Compra ...
Caro Eurico,O cenário descrito neste artigo enquad...
Grande artigo, que enquadra-se com a nossa realida...
Parabéns Ana Martins, uma abordagem bastante suges...
Obrigado Denise, embora sinta que tenha sido basta...
Muito bom !Explicou exactamente o que eu penso!!!
Concordo plenamente caro Dr. Sendi, o facto é que ...
Gostei muito do artigo .Estou plenamente de acordo...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: