De Marco António a 5 de Outubro de 2008 às 03:45
Apraz-me reconhecer o valor efectivo a atribuir a este tipo de iniciativas.
Indubitavelmente urge consciencializar a sociedade que parece por vezes adormecida no que respeita á problemática que é o suicídio. Constitui um sério problema social que surge mormente a reboque de outros quantos problemas sociais que o Homem teima em não querer resolver. Pese embora sempre tenha existido ao longo da história humana, reveste-se actualmente na sociedade moderna de particularidades, que há algumas dezenas de anos atrás não se colocavam e que seriamente potencializam a que cada vez um maior nº de pessoas encontre na ideia de "pôr termo à vida" a única solução visível a seus olhos para os seus problemas. Diariamente 2000 pessoas tentam o suicídio e provavelmente este valor é, na realidade, bem superior.
1 Bem haja a esta iniciativa

De Cidália a 22 de Setembro de 2008 às 21:34
O suicídio, pela sua abrangência e pelas consequências dramáticas, quer para quem o pratica quer para todos os que estão perto, é sempre um bom tema para debate.
È importante aprendermos a estar atentos aos sinais, identificá-los e saber lidar com eles por forma a prevenir situações de suicidio.
Por isso, é de louvar e apoiar o MIL RAZÕES.
À ESCUTAR e aos voluntários que tão empenhadamente se envolveram neste projecto os meus parabéns.

De Ana A a 22 de Setembro de 2008 às 12:16
Parabéns, finalmente!! e obrigada aos que trabalharam para que possamos ter este dia.